Empresa de Caxias lança câmera de vigilância monitorada via celular - Daniel Alves Pena

Assista o novo vídeo de Daniel Alves Pena - [Fechar o vídeo]

Headlines News :
Home » » Empresa de Caxias lança câmera de vigilância monitorada via celular

Empresa de Caxias lança câmera de vigilância monitorada via celular

Postado por Daniel Pena em quinta-feira, 8 de outubro de 2009 | 16:26

Um produto inédito desenvolvido por uma empresa abrigada no Polo de Tecnologia em Desenvolvimento de Sistemas Móveis da Prefeitura de Duque de Caxias promete revolucionar o mercado de câmeras de vigilância. Trata-se de um novo sistema que permitirá o monitoramento de imagens através de telefones celulares de qualquer ponto do planeta. A expectativa é de que o novo sistema chegue ao mercado em seis meses e a empresa já está cadastrando funcionários de empresas e outros empreendimentos para capacitá-los para operar a nova ferramenta. O Polo de Tecnologia em Desenvolvimento de Sistemas Móveis funciona na Secretaria Municipal de Educação (SME) e abriga 30 empresas incubadoras de universidades. Ele foi desenvolvido para gerar empregos e impostos para Duque de Caxias e foi apresentado nesta terça-feira, dia 6 de outubro, à secretária de Educação, Maria de Lourdes Henriques.

Criadora do novo sistema, a empresa Peltron Tecnologia, inicia um curso em novembro para interessados em conhecer a novidade. As inscrições começam no próximo dia 13 de outubro, na SME. O curso terá seis aulas com três horas de duração, para turmas de 30 alunos. O foco inicial são as empresas localizadas no primeiro distrito. Posteriormente, o trabalho será estendido às demais regiões de Duque de Caxias. Segundo o diretor da empresa, Luciano Gabriel, a intenção é formar porteiros e outros funcionários para prevenir roubos, assaltos e outros tipos de violência, facilitando o monitoramento das imagens através do celular. “Vamos oferecer um pacote completo, incluindo o celular cuja configuração permite o acesso às câmeras de vigilância”, observou o empresário, acrescentando que o custo do telefone não altera o preço do serviço.




Secretaria de Educação Lourdinha, Roberto (pólo) ao fundo o Coordenador do Pólo (Daniel Alves Pena)
Secretaria de Educação Lourdinha, Roberto (pólo) ao fundo o Coordenador do Pólo (Daniel Alves Pena)

O sistema de vigilância da Peltron permite o uso de quantas câmeras o interessado possa usar e pode armazenar os dados por tempo indeterminado. Caso o usuário do serviço queira guardar definitivamente as imagens, basta fazer um backup. Um alarme detecta a presença de invasores, através de sensores. Para acessar o serviço via celular, o usuário precisa criar uma chave de segurança com um login e senha. “A partir daí, de qualquer parte do planeta, ele pode monitorar sua casa, sua empresa e até seu carro”, observou Gabriel. O pacote mínimo inclui quatro câmeras e um celular por pouco mais de R$ 1.500.
A Peltron Tecnologia foi criada há cinco anos numa incubadora do Cefet e conta com técnicos formados na instituição. O apoio tecnológico do Cefet foi fundamental para o nosso crescimento. “Hoje, há uma necessidade muito grande de se estar desenvolvendo o profissional em sua própria região, foi por isso que decidimos vir para Duque de Caxias e ampliar o trabalho a outras cidades da Baixada.




Subsecretário José Augusto e o Diretor da Peltron Luciano Gabriel observam a operação do equipamento
Subsecretário José Augusto e o Diretor da Peltron Luciano Gabriel observam a operação do equipamento


Curso para interessados em conhecer o produto


Inscrições: 13 de outubro
Horário: 10h às 16h
Local: Polo de Tecnologia em Desenvolvimento de Sistemas Móveis da SME. Rua Prefeito José Carlos Lacerda, s/n – Centro – Duque de Caxias
Aulas a partir de 10 de novembro.

Maiores informações: telefones 2653-5472 ou 2671-6612, ramais 222 e 223

Share this article :

0 comentários:

Acompanhe no Facebook

Postagens Recentes

Autoridade Espiritual

Autoridade espiritual não é algo imputada a alguém, é alguma coisa que se reconhece em alguém, que tem por causa da sua coerência de existência na palavra. Por causa da sua intrepidez na fé, na sua sinceridade no serviço a Deus e ao próximo. Sem isso não adiante ser PHD ou qualquer outro coisa.

Fale com o autor do blog

Original Bíblico para Pesquisas

A Restauração não começou em 1962

CURIOSIDADES SOBRE O VÉU

SAIBA COMO FOI

Nosso Ranking do Brasil

e-clipping sobre Daniel Alves Pena

MENSAGENS

Translate

Receba novos artigos por Email

Inscreva-se em meu Canal no You Tube

A DOUTRINA BÍBLICA DO USO DO VÉU

Pentecostal?

Quantidade de visitas até o momento

Visitantes lendo o Blog agora

Pesquisar neste blog

Código Penal - Decreto-lei 2848/40

Decreto-lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940
Ultraje a culto e impedimento ou perturbação de ato a ele relativo
Art. 208 - Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso: Pena - detenção, de um mês a um ano, ou multa.Parágrafo único - Se há emprego de violência, a pena é aumentada de um terço, sem prejuízo da correspondente à violência.

TOLERANDO A GENTE SE ENTENDE

Clique AQUI e saiba porque

ISSO NÃO SÃO LÍNGUAS ESTRANHAS

CONHEÇA A HISTÓRIA DA OBRA

Clique na imagem para ampliar

Ajuste de Conduta - Magno Malta

Anúncios AdSense

Pois muitos andam entre nós evangélicos

Intolerância Religiosa

LinkWithin

União de Blogueiros Evangélicos

 
Copyright © 2013. Daniel Alves Pena - All Rights Reserved
Template Adpted by Daniel Pweb Published by Daniel Pena
Ora, daqueles que pareciam ser alguma coisa, esses, nada me acrescentaram,antes, pelo contrário, (Gálatas 2.6)