É correto o cristão acreditar em reencarnação? - Daniel Alves Pena

Assista o novo vídeo de Daniel Alves Pena - [Fechar o vídeo]

Headlines News :
Home » » É correto o cristão acreditar em reencarnação?

É correto o cristão acreditar em reencarnação?

Postado por Daniel Pena em segunda-feira, 19 de novembro de 2012 | 21:25



Parece uma pergunta meio sem pé e sem cabeça, mas, falando dos mais variados tipos de religiões que existem em nosso rincão brasilesco, você vai entender onde pretendo chegar com esta indagação.

Se eu dissesse para você que uma mulher de baixos princípios morais, capaz de dominar os homens por suas proezas sexuais, amante do luxo, do dinheiro, e de toda sorte de prazeres morreu e agora está reencarnando nas pessoas você acreditaria? SENDO VOCÊ UM CRISTÃO!
Você acredita em alma penada?
Não sei qual foi a sua resposta em seu intimo,mas é sobre isso que iremos tratar neste artigo.

É comum nos dias atuais você ir a um determinado lugar onde na porta está escrito igreja e ao adentrar ao recinto, tem bíblia, pessoas de terno e até a figura do pastor, canta até hino gospel (evangélico).

De repente chega a hora do receituário, opa, errei, receituário é em outra religião, me desculpe.
Surgi uma irmãzinha ou um irmãozinho ou até mesmo o pastor e te entrega o seguinte revelamento (chamo de revelamento, pois vou explicar já já do que se trata).

Se a sua resposta sobre: É correto cristão acreditar em reencarnação? For não, então veja só os dados abaixo.

O revelamento é mais ou menos assim:
O profeta diz - Meu amigo ou minha amiga ou moço, tem uma pombagira tentando atrapalhar seu casamento e ela esta usando sua esposa ou mulher.

Ai vai a pergunta, mas afinal se o nome pombagira (entre outros) não consta na bíblia, o Apostolo Paulo, Pedro ou outros Apostolos e até mesmo o próprio Yeshua (Jesus) NÂO nos advertiu sobre tal criatura, como pode um “cristão” receber tal informação com o citado nome?

Para os desavisados e que desconhecem a origem da palavra e surgimento do nome pombagira saiba o seguinte:

A pomba gira é uma “entidade”, digo entidades porque é assim que os umbandistas subentendem (Entender ou perceber ).

Umbanda é uma religião brasileira gerada do ecumenismo com entidades mitológicas geradas no imaginário de alguns, digo isso, pois nem os nomes mais importantes da Umbanda conseguem negar que não existe nenhum tipo de documento ou contexto que possa formalizar os nomes dados as entidades de seus rituais. (sobre ser mitológica não é frase minha, veja neste link o que diz o ministério dacultura)

Digo isso não para insultar os umbandistas, mas apenas para dar clareza em minha intenção de explicar meu ponto de vista dentro deste artigo, que tem por finalidade entender porque alguns usam os nomes das entidades da umbanda dizendo que fulana tem uma pombagira, ou outra entidade e as vezes até quer fazer entrevista com a citada entidade.

A Umbanda surge no Brasil em 1908, com o médium Zélio Fernandino de Moraes na cidade de Niterói (Neves).

Na Quimbanda e na Umbanda, os ancestrais são vistos como antepassados mesmo, pessoas mortas, homens e mulheres proeminentes e/ou sábios ou, ainda, perversos. São Espíritos que baixam no culto [evocação, sem incorporação] ou incorporam nas pessoas [invocação] a fim de atuar no mundo dos vivos.

Voltando ao nome pomba gira.

O texto abaixo não é minha interpretação ou forma como entendo, apenas dados extraídos de um site que cito a fonte mais abaixo.

POMBA GIRA


”A Umbanda, tem uma entidades que se identificam como Pomba Gira (ou Pombagira) e que atuam na chamada Esquerda. São espíritos humanos que tiveram várias encarnações e que, com o tempo, obtiveram a permissão da Lei Maior para se assentarem à Esquerda dos Orixás e trabalharem em favor da nossa evolução.

E onde estaria a origem da palavra Pombagira?

Na Cultura Nagô-Iorubá, de onde vem o culto aos Orixás, não existe um Orixá Pombagira (Divindade) e nem uma Entidade Pombagira.

A provável origem do nome Pombagira está numa Divindade da Cultura Bantu. Os povos Bantus (ou Bantos) ocupavam a região de Angola, Congo, Cabinda, que ficava ao lado do território do povo Sudanês, este correspondente aos Nagôs e Jejes.”

Segundo a interpretação kardecista na umbanda, uma pombagira é o espírito de uma mulher que em vida teria sido uma prostituta ou cortesã, mulher de baixos princípios morais, capaz de dominar os homens por suas proezas sexuais, amante do luxo, do dinheiro, e de toda sorte de prazeres. No Brasil, sobretudo entre as populações pobres urbanas, é comum apelar à Pomba-gira para a solução de problemas relacionados a fracassos e desejos da vida amorosa e da sexualidade, além de inúmeros outros que envolvem situações de aflição.
Fonte / fantasia.wikia


Aqui começará a elucidação e razão deste artigo:

Voltando ao revelamento

O profeta diz - Meu amigo ou minha amiga ou moço, tem uma pombagira tentando atrapalhar seu casamento e ela está usando sua esposa ou mulher.

Se pomba gira é um espírito humano que teve várias encarnações:
O cristão não deveria acreditar ou até citar como insistem alguns, você não acha?
Se eu digo que fulano está com uma pomba gira é a mesma coisa que acreditar em reencarnação ou eu estou pirando de vez e entendendo as coisas do avesso?

Não sei se é para dar um charme ou por falta de entendimento, mas muitos e em muitas “igrejas” estão cantando, orando, revelando muita coisa que não conhecem e até acreditando em reencarnação.


Se você pergunta para o irmãozinho ou irmãzinha que diz que Elohim (Deus) revelou para ela que tem uma pomba gira em sua vida se ela acredita em reencarnação ela vai dizer que não.
Se você citar 1 Samuel capítulo 28 – E pergunta se Saul se comunicou com o espírito de Samuel ela dirá que não.
Então como pode uma revelação tão paradoxal partir da parte de Elohim (Deus) falando sobre um espírito desencarnado chamado pomba gira?

Abrindo os olhos

Livro de Hebreus capítulo 9 versículo 27 - Bíblia

“E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo,”

Vídeo sobre o tema.



NOTA: Gostaria de aproveitar a ocasião para deixar claro que minha intenção não é ofender a nenhuma religião, é apenas minha forma de entender, se você acredita em reencarnação, e na existência da pomba gira, por favor não me entenda mal, este é seu direito e eu não tenho nada a ver com isso, apenas fiz a citação para tentar esclarecer a alguns no meio evangélico ou que se dizem evangélicos, pregam uma coisa e vivem outra.

Por Daniel Alves Pena


Share this article :

0 comentários:

Acompanhe no Facebook

Postagens Recentes

Autoridade Espiritual

Autoridade espiritual não é algo imputada a alguém, é alguma coisa que se reconhece em alguém, que tem por causa da sua coerência de existência na palavra. Por causa da sua intrepidez na fé, na sua sinceridade no serviço a Deus e ao próximo. Sem isso não adiante ser PHD ou qualquer outro coisa.

Fale com o autor do blog

Original Bíblico para Pesquisas

A Restauração não começou em 1962

CURIOSIDADES SOBRE O VÉU

SAIBA COMO FOI

Nosso Ranking do Brasil

e-clipping sobre Daniel Alves Pena

MENSAGENS

Translate

Receba novos artigos por Email

Inscreva-se em meu Canal no You Tube

A DOUTRINA BÍBLICA DO USO DO VÉU

Pentecostal?

Quantidade de visitas até o momento

Visitantes lendo o Blog agora

Pesquisar neste blog

Código Penal - Decreto-lei 2848/40

Decreto-lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940
Ultraje a culto e impedimento ou perturbação de ato a ele relativo
Art. 208 - Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso: Pena - detenção, de um mês a um ano, ou multa.Parágrafo único - Se há emprego de violência, a pena é aumentada de um terço, sem prejuízo da correspondente à violência.

TOLERANDO A GENTE SE ENTENDE

Clique AQUI e saiba porque

ISSO NÃO SÃO LÍNGUAS ESTRANHAS

CONHEÇA A HISTÓRIA DA OBRA

Clique na imagem para ampliar

Ajuste de Conduta - Magno Malta

Anúncios AdSense

Pois muitos andam entre nós evangélicos

Intolerância Religiosa

LinkWithin

União de Blogueiros Evangélicos

 
Copyright © 2013. Daniel Alves Pena - All Rights Reserved
Template Adpted by Daniel Pweb Published by Daniel Pena
Ora, daqueles que pareciam ser alguma coisa, esses, nada me acrescentaram,antes, pelo contrário, (Gálatas 2.6)