Igrejas do véu de mantilha (περιβόλαιον) se propõem a formar associação - Rocinha - Daniel Alves Pena

Assista o novo vídeo de Daniel Alves Pena - [Fechar o vídeo]

Headlines News :
Home » » Igrejas do véu de mantilha (περιβόλαιον) se propõem a formar associação - Rocinha

Igrejas do véu de mantilha (περιβόλαιον) se propõem a formar associação - Rocinha

Postado por Daniel Pena em quarta-feira, 2 de setembro de 2015 | 10:43


Domingo 30 de agosto (2015) estive na Rocinha,RJ com os pastores Adriano Moreira (Presidente da APOIORT), Elielberth Falcão, Cristiano e pastor Carlos.

Tivemos uma recepção calorosa e um café da manhã digno de reis, a Igreja na Rocinha está de parabéns.

  A intenção da reunião era de suma importância, iniciar o processo de formação da associação para as Igrejas conhecidas como véu de mantilha (περιβόλαιον).

   Na pauta haviam assuntos pertinentes ao processo restaurador de 325 DC até 1062, tratado pelo pastor Adriano Moreira e de 1962 aos dias atuais o tema foi explanado pelo pastor Elielberth Falcão.

Haviam outros pastores presentes, pastor Jorge Antunes, além do presidente da Igreja na Rocinha o Pastor Robson, diga se de passagem um homem educado, ordeiro e que me impressionou com sua forma de liderar seu rebanho.

As ovelhas presentes eram de uma reverencia e atenção a tudo que era falado pelos pastores.

   Fica aqui expressa minha alegria em ter a honra de conhecer a amada Igreja e desejar sinceros votos para o sucesso da possível associação a ser formada.

Aos que tecerão criticas sobre o encontro fica meu alerta: A intolerância religiosa é crime previsto em lei, mas as piores das intolerâncias e a feita pelos ditos crentes contra outros crentes.
Respeitar a cultura e princípios nórdicos e praticas religiosas dos diferentes é o principio para um evangelho genuíno e verdadeiro.

Ainda sobre intolerância, segue palavras de Shaul (Paulo).

"15 Êmeth (Verdade) é que também alguns pregam o Maschiyah por inveja e porfia, mas outros de boa vontade;
16 Uns, na êmeth, anunciam o Maschiyah por contenção, não puramente, julgando acrescentar aflição às minhas prisões.
17 Mas outros, por ahavah (amor), sabendo que fui posto para defesa das boas novas.
18 Mas que importa? Contanto que o Maschiyah seja anunciado de toda a maneira, ou com fingimento ou em êmeth, nisto me regozijo, e me regozijarei ainda.
19 Porque sei que disto me resultará salvação, pela vossa oração e pelo socorro do Ruarh (Espírito) de Yeschua Ha’Maschiyah,
20 Segundo a minha intensa expectação e esperança, de que em nada serei confundido; antes, com toda a confiança, o Maschiyah será, tanto agora como sempre, engrandecido no meu corpo, seja pela vida, seja pela morte.
21 Porque para mim o viver é o Maschiyah, e o morrer é ganho."
Filipenses - פיליפםיא [Fylypsiyah] – 01.15-21 - Fonte ORBI

Em breve farei uma explanação histórica teológica sobre κατακαλύπτω o original Grego em (I Coríntios 11.5) e    περιβόλαιον o original Grego em I Coríntios 11.15).

Daniel Alves Pena
     
     
 
   

Share this article :

1 comentários:

David Oliveira disse...

Que o SENHOR abençoe esta iniciativa. Grande abraço.

Acompanhe no Facebook

Postagens Recentes

Autoridade Espiritual

Autoridade espiritual não é algo imputada a alguém, é alguma coisa que se reconhece em alguém, que tem por causa da sua coerência de existência na palavra. Por causa da sua intrepidez na fé, na sua sinceridade no serviço a Deus e ao próximo. Sem isso não adiante ser PHD ou qualquer outro coisa.

Fale com o autor do blog

Original Bíblico para Pesquisas

A Restauração não começou em 1962

CURIOSIDADES SOBRE O VÉU

SAIBA COMO FOI

Nosso Ranking do Brasil

e-clipping sobre Daniel Alves Pena

MENSAGENS

Translate

Receba novos artigos por Email

Inscreva-se em meu Canal no You Tube

A DOUTRINA BÍBLICA DO USO DO VÉU

Pentecostal?

Quantidade de visitas até o momento

Visitantes lendo o Blog agora

Pesquisar neste blog

Código Penal - Decreto-lei 2848/40

Decreto-lei no 2.848, de 7 de dezembro de 1940
Ultraje a culto e impedimento ou perturbação de ato a ele relativo
Art. 208 - Escarnecer de alguém publicamente, por motivo de crença ou função religiosa; impedir ou perturbar cerimônia ou prática de culto religioso; vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso: Pena - detenção, de um mês a um ano, ou multa.Parágrafo único - Se há emprego de violência, a pena é aumentada de um terço, sem prejuízo da correspondente à violência.

TOLERANDO A GENTE SE ENTENDE

Clique AQUI e saiba porque

ISSO NÃO SÃO LÍNGUAS ESTRANHAS

CONHEÇA A HISTÓRIA DA OBRA

Clique na imagem para ampliar

Ajuste de Conduta - Magno Malta

Anúncios AdSense

Pois muitos andam entre nós evangélicos

Intolerância Religiosa

LinkWithin

União de Blogueiros Evangélicos

 
Copyright © 2013. Daniel Alves Pena - All Rights Reserved
Template Adpted by Daniel Pweb Published by Daniel Pena
Ora, daqueles que pareciam ser alguma coisa, esses, nada me acrescentaram,antes, pelo contrário, (Gálatas 2.6)